VAI DE FUSCA

Queríamos conhecer o mundo... As únicas coisas que tinhamos era um fusca e muita fé. Foi o suficiente.


    

O SONHO

Não sei se ansiedade é a palavra certa para justificar as noites mal dormidas; talvez não seja só ela, solitária, e sim um misto de sentimentos típicos de quem está vivendo uma aventura para ser lembrada por muito tempo.

Em 2014 resolvi deixar para trás uma série de conceitos e seguranças para viver algo que mudaria minha vida e faria parte da minha história para sempre.

Após dois anos de reformas, feitas a quatro mãos, por mim e por meu pai, eu e ele partimos em nosso fusca de 1984 rumo ao desconhecido, sem destino. Na época, fomos chamados de loucos! Mas, para muitos éramos mesmo corajosos. E hoje, após alguns anos viajando descobrimos que essa soma (coragem + loucura) talvez seja boa parte do caminho para a felicidade.

Um portal de notícias chegou a nos definir como “aqueles que usavam o coração como gps”. Eu não seria tão dramático, talvez só mais prático, e diria que somos aqueles que estão livres, vivendo e fazendo exatamente o que querem, indo onde querem, no momento da decisão.

Uma, duas, três, nove, dezesseis, vinte e sete… Com o passar dos dias, começaram a faltar dedos para contar as cidades que visitávamos. Faltavam ainda mais dedos pra lembrar a quantidade de pessoas e histórias de vida incríveis que conhecíamos e palavras para expressar a gratidão pelo carinho com que éramos recebidos em cada vilarejo.

Eu e meu pai fomos ficando cada vez mais ricos. Um tipo de riqueza, porém, que não se conta com cédulas de dinheiro e nem se guarda em um cofre e sim na mente e no coração.

GALERIA

Venha com a gente nessa viagem!

SOBRE

Um pai, um filho, um sonho, um fusca e um mundo pela frente.

Biografia

Natanael Sena é autor do Projeto Vai de Fusca, em que narra as aventuras dele e do pai, Francisco Gomes, dentro de um fusca de 1984 pela América Latina. Descobriu na simplicidade das viagens que faz, a maior riqueza de sua vida: toda e qualquer fronteira pode ser cruzada, basta vontade. Pós graduado em Comunicação pela USP, Marketing pelo IBMEC-RJ e Marketing Intelligence pela Univ. de Lisboa-PT, Natanael publicou três livros, dois com renda 100% revertida para um projeto social na cidade de Santos e o terceiro “Vai de Fusca”, de 2014, ele começou a narrar as aventuras no fusca da família. Não se considera fotógrafo, mesmo tendo uma de suas fotos no acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo, por ter ganho o concurso da instituição realizado em parceria com a Câmara Britânica e o Governo do Estado. Também se aventura anualmente como piloto do Torneio Interlagos onde corre, também com um fusca..

CONTATO

Queremos ouvir você.

NA BAGAGEM